GESE

SINTECT - PE

RÀDIO DO BLOG

OZEIAS E ERICSON ( SOLDADO).

OZEIAS  E  ERICSON ( SOLDADO).

CDD PRAZERES

R.ESTRADA DA BATALHA 492- PRAZERES
JABOATÃO DOS GUARARAPES-PE
FONE-81 3378-0105
54315-010

CLIMA E TEMPO

DIGNOW

FENTECT

Jornal da FENTECT

Total de visitas

Globo de Visitas

DESTAQUE.

Quero parabenizar o carteiro Paulo Cesar , por ter atuado brilhantemente como supervisor interino, durante as férias de Júnior.

APOIO

Frigo Frango Av. Princs Isabel, 869 - Centro, João Pessoa - PB, 58013-251 (83) 3241-1309
GRANJA PROGRESSO - JOÃO PESSOA - PB
GRANJA SANT"ANA - SANTA RITA - PB

DELEGADO SINDICAL

PAULO CEZAR - Sempre nos mantendo informado sobre tudo o que acontece no SINTECT- PE

TUDO SOBRE O ESPORTE

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ANIVERSARIANTES DO CDD

EUDES BARBOSA 17/08
MANOEL SIMÃO 09/09
MARCOS VINICIUS 04/11
OZEIAS 29/12
DENNYS 02/01
ERICSON ( SOLDADO) 13/01
JOSENILDO 22/05

DESTAQUE DA SEMANA

QUERO PARABENIZAR O COLEGA MAURICIO , POR TER SE PREOCUPADO COM A ORGANIZAÇÃO DAS CORRESPONDÊNCIAS DO DISTRITO 218 APÓS A TD ( TRIAGEM POR DISTRITO ) NA MINHA AUSÊNCIA , POIS FACILITOU MUITO MEU SERVIÇO NO DIA SEGUINTE. UMA ATITUDE LOUVÁVEL QUE DEVE SER SEGUIDA POR OUTROS.



OZEIAS - CARTEIRO

AGRADECIMENTO

AGRADEÇO A RINALDO NASCIMENTO E HÁLISSON , POR COLABORAR COM INFORMAÇÕES MANTENDO O BLOG SEMPRE ATUALIZADO. OBRIGADO.

O BLOG CDD PRAZERES É ?

Seguidores

FIQUE SABENDO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquise neste blog

Meu Banner/Link-nos

Blog Archive

Tecnologia do Blogger.

SETOR DE REGISTRADOS.

EUDES ( IN MEMORIAN ) EUDES BARBOSA, FERNANDO ELOY , NATANAEL E WALTER.

CENTRO CULTURAL

Visitação:

Centro Cultural Correios Recife
Av. Marquês de Olinda, 262
– Bairro do Recife
50031-970 - Recife – PE
Telefone: 081 3224 5739 /
3424 1935
Fax: 081 3224 5739
e-mail:
centroculturacorreiosrecife
@correios.com.br

Funcionamento:

O Centro Cultural Correios recebe visitantes
de terça-feira a sexta-feira, das 9h às 18h,
e aos sábados e domingos, das 12h às 18h.
Entrada franca.

ATENÇÃO

A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS NÃO TEM RESPONSABILIDADE ALGUMA SOBRE TUDO O QUE É POSTADO NESTE BLOG. AS POSTAGENS SÃO DE INTEIRA RESPONSABILIDADE DO PROPRIETÁRIO DO BLOG.

Postagens populares

PARCEIROS

TICKET ALIMENTAÇÃO

img-165x92





Heineken


DOUGLAS ( SAUDADES....)

DOUGLAS   ( SAUDADES....)
Douglas Marivel ( NOSSO ETERNO CARTEIRO)

JOSE LUIZ

UM ABRAÇO DE TODOS QUE FAZEM O CDD PRAZERES, FOI BOM TER TRABALHADO COM VC .NUNCA DESISTA DE SEUS SONHOS. SUCESSO NESTA NOVA ETAPA DA SUA VIDA , QUE DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO.

Translate

Comunidade no Orkut

sábado, 8 de junho de 2013

sábado, 8 de junho de 2013

SINTECT-MG


Oposições convocam assembleias no Rio de Janeiro e em S. Paulo

As oposições sindicais ligadas à Fentect estão convocando assembleias para eleger delegados para o XXXI Conselho de Representantes da Fentect que irá discutir a campanha salarial. Esta iniciativa é da maior importância para derrotar o divisionismo dos pelegos do PCdoB que estão trabalhando juntamente com a direção da empresa para acabar com o movimento nacional unitário.
boletim-fentect-rj_10001
leia o boletim-fentect-rj_verso
leia o boletim-fentect-rj_frente

Sintect-MG esclarece ação sobre descontos na PLR

Robson Silva fala das mobilizações contra os descontos indevidos na PLR dos trabalhadores e da ação na justiça com audiência prevista para o próximo dia 13
Comissão na DR-MG 13-05
 Comissão de trabalhadores foram até a Diretoria Regional questionar os descontos da PLR.  (Foto: Sintect-MG.)
No pagamento da PLR 2012 realizado em maio a empresa realizou descontos sem dar nenhuma explicação para os trabalhadores. Os descontos chegaram a zerar a PLR de muitos trabalhadores que denunciaram no sindicato.
“O desconto da empresa é absurdo. A categoria entrou em greve, foi uma greve forte, que conduziu a greve nacional e por isso a empresa quis penalizar os trabalhadores tirando a PLR”, disse Robson Silva.
É uma arbitrariedade, uma ilegalidade. Porque a PLR já foi paga de maneira irregular, de forma unilateral.
Robson explica que “a empresa descontou sem dar justificativa de pessoas que sequer fizeram greve, e não tiveram falta injustificada”.
O que gerou uma revolta, mobilização e greve em diversos setores em Minas Gerais. “Fomos até o gabinete do diretor regional cobrar a PLR dos trabalhadores”, diz Robson.
Além das ações próprias dos trabalhadores, as paralisações, Robson Silva esclarece que o Sintect-MG entrou com uma ação coletiva para todos os trabalhadores prejudicados, essa ação terá audiência no próximo dia 13.
“Estamos esperando o resultado da justiça, mas vamos manter a categoria mobilizada. Porque se continuar essa palhaçada da empresa o sindicato vai organizar a categoria e vai pra cima da empresa cobrar o dinheiro dos trabalhadores”.
Em assembleia no último dia 31 a categoria aprovou o estado de greve. Quem quiser acompanhar a audiência será às 14h, na 13° Vara do Trabalho em Belo Horizonte.
Assista a entrevista:


A farsa do crescimento econômico no Brasil

A tendência é a desaceleração industrial
Só na fantasia da propaganda da burguesia há crescimento industrial: desaceleração, dependência da China e das exportações especulativas de meia dúzia de matérias primas; nas costas dos recursos públicos e das importações de peças e insumos
dados economicos
A imprensa burguesa tem propagandeado aos quatro ventos a “recuperação” da indústria brasileira, que teria crescido 1,8% no mês de abril sobre o mês anterior, de acordo com os dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas), abrindo, supostamente, a possibilidade do esquálido PIB brasileiro se recuperar.
Os setores que mais teriam crescido seriam o de bens de capital, com crescimento de 3,2% em relação a março e 24,4% em relação a abril do ano passado, e o de bens de consumo duráveis (1,1%), puxados pelas vendas de caminhões com o novo motor menos poluente, o Euro 5, e de veículos em geral (8,2%), além de máquinas e equipamentos (7,9%) e alimentos (4,8%).
Dos 27 setores pesquisados, 17 registraram crescimento, nove queda e um estagnação. Por outro lado, os setores que tinham registrado os maiores crescimentos nos últimos anos agora foram os que sofreram as piores quedas – o de material eletrônico, aparelhos e equipamentos de comunicações caiu -6,5% e o de bebidas -5,9%.
O otimismo não passa de um artificialismo. No mês de janeiro, a indústria tinha registrado expansão de 2,7%; no mês seguinte, no entanto, caiu 2,4%, refletindo as injeções de recursos públicos e os favorecimentos tributários. Se bem há um número maior de setores reportando crescimento, são poucos os que registraram uma alta mais expressiva, com concentração acentuada na venda de caminhões e de máquinas agrícolas, promovida pela inundação de crédito sob a base de enormes repasses de recursos públicos.
No ano passado, a indústria sofreu queda de 2,6% e o investimento encolheu 4%. Em relação ao mesmo mês do ano passado, a indústria cresceu 8,4%, mas o fato foi favorecido pelos dias úteis a mais, mas no primeiro trimestre do ano, o crescimento foi de apenas 0,1%, muito inferior ao patamar do mesmo período do ano passado, e em 12 meses, continua negativo, com queda de 1,1%.
E pior ainda, a indústria brasileira sobrevive na base do aumento das peças e insumos importados, o que provoca o crescente déficit da balança comercial.
A indústria continua se desacelerando e perdendo competitividade, com acentuada dependência de vários setores em relação à economia chinesa, com uma balança comercial negativa, pela primeira vez em muitos anos, e até sendo impactada pelo aumento da crise na Argentina.
O BNDES e o agronegócio
O crescimento da economia no geral somente tem se sustentado sobre a base dos recursos públicos que têm como objetivo garantir os lucros dos capitalistas e manter a especulação financeira em pé. O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento) repassou R$ 54,4 bilhões somente nos quatro primeiros meses do ano, o que representou uma alta de 59% frente ao mesmo período de 2012. A indústria recebeu 37% desses recursos, o equivalente a R$ 20,2 bilhões, 113% a mais do que no mesmo período do ano passado. Os recursos destinados à infraestrutura, dos quais se favorecem principalmente as grandes empreiteiras somaram 27%, ou R$ 14,6 bilhões, com um crescimento de 9%. O volume da importação de peças e de insumos cresce sem parar.
O crescimento da agricultura, com uma safra recorde de quase 180 milhões de toneladas de grãos levou ao aumento da produção de máquinas para o setor. Tudo sobre a base da dependência umbilical do governo. O BB (Banco do Brasil) somente libera crédito para os agricultores se eles apresentarem notas fiscais, o que equivale a dizer que devem ser compradas as sementes, agrotóxicos e demais insumos da meia dúzia de monopólios que controla o setor (Monsanto, BASF, Bayer, Syngenta, Dow e Dupont). Sementes criolas, portanto, não dão direito a crédito.
O governo Dilma anunciou a liberação de mais de R$ 130 bilhões em recursos para o setor, enquanto para a agricultura foram liberados apenas R$ 27 bilhões, para um setor que produz mais 85% dos alimentos que o brasileiro consome e que tem na base um enorme número de camponeses extremamente pobres.
O avanço da fronteira agrícola sobre os biomas brasileiros, facilitado por vários programas do governo (Novo Código Florestal, Amazônia Lega etc), reduz os custos do chamado agronegócio (a aliança do setor mais reacionário da burguesia nacional, os latifundiários, com os monopólios) com a recuperação do solo estragado pelos métodos depredadores do monocultivo, sobre a base de gigantescos volumes de agrotóxicos e transgênicos que viabilizam os lucros de meia dúzia de monopólios sob a base da a superexploração dos trabalhadores e de um gigantesco passivo ambiental e para a saúde humana.
Não existe o crescimento real da economia brasileira, mas manobras artificiais que têm levado a uma gigantesca concentração da crise capitalista no estado burguês. De fato, a economia já está em recessão, se descontarmos os malabarismos contábeis. A tendência para o próximo período é à depressão econômica e à hiperinflação devido ao aumento do contágio da crise capitalista mundial e ao aperto das amarrações imperialistas.

Greve contra a privatização: Trabalhadores dos Correios de Portugal paralisam suas atividades

A greve nacional é contra a privatização da empresa e contra as demissões e fechamentos de postos
 A privatização é exigência dos banqueiros internacionais.
(Foto: internet)
Os trabalhadores dos correios de Portugal (CTT) farão uma greve geral nacional amanhã para protestar contra a privatização da empresa portuguesa. A greve vai ocorrer três dias antes da visita de Dilma Rousseff a Portugal. A presidenta brasileira anunciou que defenderá a compra do correio português pela ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos).
Os correios de Portugal estão sofrendo uma política de destruição colocada em prática pelo governo português a mando dos bancos imperialistas. Uma das exigência do Banco Europeu, do FMI e dos órgãos imperialistas era a privatização das empresas estatais portuguesas; a privatização dos CTT está programada para esse ano.
Como parte da privatização, o governo português está destruindo a empresa. Foram fechadas 124 estações de correios, incluindo o Centro de Produção e Logística (CPL) em Coimbra, com cerca de 140 funcionários, que também será fechado.
No lugar das estações fechadas, foram abertos 78 postos de correio. Esses postos são ligados a “parceiros” da iniciativa privada. Algo parecido com as Agências de Correios Franqueadas (ACFs) no Brasil.
Há ainda uma política da empresa e do governo de aposentar ou demitir trabalhadores. Os CTT contam atualmente com 11 mil funcionários nacionalmente.
Caso se confirme a compra dos CTT pelos Correios brasileiros, ao contrário da propaganda que o governo do PT possa fazer, quem está por trás das negociações são os banqueiros. Segundo a imprensa, o presidente do banco de investimentos do grupo Espírito Santo é quem está articulando a compra. Mas é claro que por trás desse grupo estão os banqueiros europeus.
A situação revela também o avanço da privatização dos Correios brasileiros, que desde a aprovação da MP 532 – que transformou o estatuto da ECT nos moldes de uma S.A – vem se aprofundando. A presença íntima dos bancos entre a cúpula da ECT não deixa dúvidas sobre o poder da iniciativa privada dentro da empresa.
Se depender do governo português, os correios serão entregues de graça para os banqueiros. É a destruição de um dos maiores patrimônios do povo português, considerado pelos portugueses com um dos melhores serviços postais do mundo.
Os trabalhadores brasileiros prestam a sua solidariedade à greve nacional dos trabalhadores dos CTT. É preciso derrotar a privatização e expulsar os banqueiros parasitas das empresas estatais. Todo apoio à greve geral em Portugal!
FONTE-SINTECT-MG

GOSPELPRIME


8/06/2013 - 13:11

Dia do Pastor é comemorado neste domingo

Em muitas cidades brasileiras há leis que oficializam a comemoração
por Leiliane Roberta Lopes

Dia do Pastor é comemorado neste domingoDia do Pastor é comemorado neste domingo
Todo o segundo domingo do mês de junho é comemorado o Dia do Pastor, a data não está no calendário oficial do país, mas muitas cidades possuem leis próprias sobre a comemoração.
A origem dessa homenagem aos pastores evangélicos é desconhecida, registros antigos da Convenção das Igrejas Batistas Independentes informam que desde a década de 50 se comemora o Dia do Pastor, uma troca do nome dado ao Dia da Junta da Beneficência, data onde os fiéis se reuniam para levar ofertas para os pastores aposentados.
Nos últimos anos a data passou a ser oficializada em algumas localidades por meio de leis municipais ou estaduais como aconteceu em Teresina (PI), Uberlândia (MG), Campo Grande (MS) no Estado do Rio de Janeiro, Distrito Federal e outras.
Algumas igrejas aproveitam para falar sobre o trabalho do pastor e para homenagear os homens e mulheres que escolheram viver para pregar a Palavra de Deus e servir aos fiéis, com palavras de motivação, encorajamento e com ações sociais.
Quem comenta a participação dos pastores na sociedade brasileira e faz uma homenagem à eles é o deputado federal Roberto de Lucena que também é pastor.
“As denominações evangélicas espalhadas pelo País, presididas por pastoras e pastores de muito arrojo e bravura, são responsáveis por acolher crianças abandonadas, jovens e adultos viciados em álcool e drogas e pessoas que não encontram mais motivos para viver. São também estes pastores que, muitas vezes em um trabalho anônimo, sem qualquer publicidade, mantém vivos e atuantes diversos abrigos e escolas para a comunidade mais carente desse nosso Brasil.”
FONTE-GOSPELPRIME

GOSPELPRIME


Ninguém vai me calar, diz Silas Malafaia

O pastor falou para o público de mais de 50 mil pessoas em Brasília
por Leiliane Roberta Lopes

Ninguém vai me calar, diz Silas MalafaiaNinguém vai me calar, diz Silas Malafaia
Um dos momentos mais esperados da manifestação que aconteceu em Brasília na quarta-feira (5) era a fala do pastor Silas Malafaia, organizador do evento, que falou sobre os objetivos dessa mobilização social que atraiu cerca de 70 mil pessoas.
O líder religioso começou seu discurso defendendo a liberdade de expressão e criticando projetos como o PL 122/2006 que quer criminalizar a opinião contrária ao homossexualismo, tratando como homofobia.
Citando a Constituição, Malafaia lembra que no Brasil a liberdade de expressão é garantida e que ele tem o direito de criticar o que ele quiser. “Eu critico o que eu quero e ninguém vai me calar!”.
“Para calar a nossa voz terão que rasgar a Constituição do Brasil”, disse ele em outro momento, falando sobre a interferência que o governo pretende fazer na igreja.
Outro tema comentado pelo pastor foi a liberdade de imprensa. “Imprensa livre, sempre livre”, disse. Silas Malafaia diz que a imprensa brasileira não pode aceitar os projetos do governo do PT em controlar o que será noticiado pelos meios de comunicação.
Malafaia e cantores
Ana Paula Valadão, Silas Malafaia, Thalles Roberto, André Valadão e Jabes de Alencar.
O tema homossexualismo também foi citado pelo pastor que criticou o ativismo gay e os chamou de “fundamentalistas do lixo moral”. Silas Malafaia aproveitou para criticar o Supremo Tribunal Federal e o Conselho Nacional de Justiça que assinaram termos para autorizar o casamento gay.
O religioso acredita que mudanças de paradigma precisam ser realizados pelo Congresso Nacional ou por meio de plebiscito. “Isso é uma vergonha”, disse Malafaia que recebeu apoio dos manifestantes.
Assista:

0 comentários:

magazineozeiassantana

UNIÃO DE BLOGUEIROS EVANGÉLICOS









AJUDE - NOS A ENCONTRAR

.

DESAPARECIDOS

A TENDA NA ROCHA

HORÁRIO

SINTECT-PE

FONE 81-(3222-4002)
(3221-4054)
(3221-6459)
RUA DOM VITAL 73
SANTO AMARO- RECIFE-PE.

MAURICIO, CARLOS E OZEIAS.

MAURICIO, CARLOS E OZEIAS.

OCIOSO

Administre Suas Campanhas, Pague Por Clic e Lucre com MercadoAds.
www.MercadoLivre.com.br/MercadoAds

GUERREIROS -CDD PRAZERES

GUERREIROS -CDD PRAZERES

PLANETA VOLUNTÁRIOS

ASSÉDIO MORAL-DENUNCIE.

PARA REGISTRAR AS DENUNCIAS É SÓ LIGAR PARA O SINTECT - PE 3222-4042 QUE AS MEDIDAS CABÍVEIS SERÃO TOMADAS.

UOLHOST

CLICK A VONTADE

DIGNOW

a492a8bb-a331-468a-92ef-84b31e9b1606

APOSTE NA MEGASENA

Dicas para Blogs

NOTICIAS GOSPEL

Widget gerado por Gospel Prime

PLANETA VOLUNTÁRIOS

PARCERIA






AJUDE A MANTER O BLOG

FAÇA DOAÇÕES SEGURAS COM O PAG SEGURO.
Descontos de até 95% em até 10x. Garantimos o melhor preço. Confira!
SubmarinoViagens.com.br/Gol

DIGA NÃO A ESCRAVIDÃO


GUERREIROS POSTAIS

GUERREIROS  POSTAIS

GUERREIROS POSTAIS

MAURICIO,ANDERSON,IVAN,
OZEIAS,DENILSON AMANCIO
CRISTIANO,ERICSON,CICERO,
ROBERTO,THIAGO,
MARTINS,FELIPE,
ALBERTO,
CARLOS ANDRÉ,
MANOEL,BRUNO,JOSENILDO
,JOSEILSON,
LUCIVAN,AGUINALDO,CARLOS ROBERTO,SÉRGIO,
ANA,JÚNIOR,
CARLOS DOMINGOS,DENNYS,
JOÃO PAULO,PEDRO,RAFAEL,
PAULO , WELISSANDRO, JOSÉ CAVALCANTE,IVAN CABRAL , CLEVERSON LEMOS E AMARO CÉSAR.

TWITTER

SUGESTÕES

/blogcddprazeres.blogspot.com/

Follow by Email